sexta-feira, outubro 08, 2010

e o dia começou bem...

Lembra daquele dia do momento AVC? Então, hj levantei com preguiça e eu tava indo p/ o cursinho, sem me arrumar nadinha, totalmente sem graça. Sem batom, nem um rímelzinho, usando uma blusinha velha e furada, ainda nem tinha colocado meus óculos da invisibilidade, entrei no elevador e ao invés de descer, subiu...
Aí eu pensei, xi, fudeu!!
Mas quais era as chances de eu encontrar com o carinha do 42? Pareciam pequenas.
O elevador parou no quarto andar, (xii), entrou um rapaz (xiii), lembrei da descrição que a Vitória tinha feito: Altura: confere (xiiii); cabelo: confere (xiiiii). Olhei de canto de olho fingindo que procurava algo na bolsa, e vi ele rindo (xiiiiiii).
Ele tinha uma chave na mão, mas não desceu até a garagem, o carro dele tava na rua (xiiiiiiiiii). E era um peugeot ou renault (sei lá esse franceses me parecem todos iguais) mas era da marca do carro que ela disse que ele tinha (xiiiiiiiiii).
Enfim, esbarrei com o carinha do 4.o andar no dia em que eu tava mais esculhambada do planeta terra.
E pra piorar, achei ele beeem interessante, faz muito meu tipo, aloka!!!
Agora mesmo que eu não saio do apartamento sem óculos e lenço no cabelo.


Ou então só entro no elevador arrumada tipo pra balada!
Se bem que o pior ele já viu, né?? Agora o que vier é lucro kkkkk.
É o que tem pra hoje.
#bjmeliga

Um comentário:

aline disse...

esse eh o mesmo do caso do interfone(alugar a garagem e tals...)???ou to fazendo confusão??